top of page

Empréstimo pessoal: como evitar que a solução se torne um problema!

Veja abaixo tudo o que você precisa saber antes de solicitar um empréstimo pessoal



Em um cenário de alta da inflação e, consequentemente, de aumento dos preços no mercado, tem sido cada vez mais frequente ver pessoas recorrendo aos empréstimos pessoais para quitar dívidas e evitar que seu nome fique sujo.


Apesar de essa ser uma das saídas para se livrar das dívidas, em alguns momentos o empréstimo pode se tornar um problema ainda maior, ampliando as dívidas e criando uma bola de neve que só causa prejuízos.


Confira abaixo algumas das nossas dicas para você solicitar o seu empréstimo pessoal e dar um up na vida financeira sem correr riscos!


Dicas para realizar o seu empréstimo pessoal


Diferente do que muitas pessoas acreditam, o empréstimo pessoal é sim uma solução eficaz para quem está no vermelho, mas precisa ser feito a partir de um planejamento financeiro correto e com total atenção aos detalhes do contrato, evitando que sejam criadas dívidas ainda maiores.


Entenda os tipos de empréstimo disponíveis


No mercado financeiro existem diversos modelos de empréstimo ou concessão de crédito disponíveis, cada qual destinado a um público específico e com regras específicas de liberação e pagamento. Conhecê-los é fundamental para solicitar o que mais se encaixa na sua realidade.


O modelo mais comum é o empréstimo pessoal, que está disponível para praticamente toda a população e pode ser solicitado sem grandes burocracias, estando sujeito apenas à análise de crédito da pessoa que o solicitar. Esse é o modelo que mais conhecemos, onde a pessoa recebe o dinheiro solicitado e deve pagá-lo com juros mensalmente conforme o contrato.


Além do empréstimo pessoal, existe também o modelo consignado, onde as prestações são descontadas automaticamente da folha de pagamento do beneficiário todos os meses, sendo mais comum para servidores públicos e aposentados.


A modalidade mais recente e que vem ganhando força é o “empréstimo com garantia”. Nesse molde, quem solicita empréstimo precisa deixar com o banco um bem como garantia de que ele irá realizar o pagamento na data correta, podendo ser um celular para valores mais baixos, ou até mesmo um veículo em caso de valores mais altos.


Confira as taxas de juros


Quando dizemos que o empréstimo pessoal é uma boa alternativa para a quitação de dívidas, é preciso ter em mente que o principal ponto para avaliar se o investimento vale a pena – ou não – está nas taxas de juros.


Devemos lembrar que o empréstimo também é uma dívida, afinal, você recebe o valor solicitado, mas deve pagá-lo mensalmente conforme o acordo estabelecido com o banco.


Mas qual seria a vantagem de trocar uma dívida por outra então? É fácil. As taxas de juros!


Imagine que você possui uma fatura de cartão de crédito atrasada, que já conta com um valor alto que você não pode pagar, mas que continua aumentando por 15% ao mês, por exemplo. Trocá-la pela dívida de um empréstimo que te cobrará juros de 10%. pode ser uma boa ideia.


Entenda que a dívida não desaparecerá, mas você irá diminuir bastante o seu potencial de crescimento, permitindo uma melhor organização financeira para quitá-la da forma correta.


Além das taxas de juros, é preciso estar atento também ao valor das parcelas que deverão ser pagas pelo empréstimo e entender se elas cabem no seu orçamento mensal.


Muitas pessoas acabam se endividando por fazerem prestações impossíveis de pagar no mês. Isso significa que solicitar um empréstimo com prestações parecidas, quase do mesmo valor, ou até mesmo maiores, que as da compra que você quer quitar, é uma alternativa ruim, pois você estará apenas adiando o problema.


Conte com uma empresa que entende do assunto!


A Qista surgiu com o propósito de descomplicar sua vida financeira, dando mais fôlego para encarar o dia a dia e te permitir ir mais longe, correndo atrás dos seus sonhos.


Temos um compromisso de não apenas entregar soluções prontas em forma de dinheiro, mas de educar financeiramente nossos clientes e parceiros para que eles possam entender que o dinheiro é uma ferramenta e não um problema.


Acesse e conheça nossas soluções feitas especialmente para você!

71 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page